Arquivo da Categoria ‘Sem categoria’

set
24

Medonha

Há uma sequência soturna, medonha nestas situações, que muitos já perceberem e anotaram: das más faculdades de Direito nascem profissionais quase roçando a mediocridade, que por seu turno tornam-se advogados, fracos, inseguros e alguns dispostos à fraude processual. Também, delas surgem Promotores de Justiça e Juízes de Direito que deixam a desejar, de péssima qualidade profissional.

A postagem não pôde ser enviada para seu amigo. Tente novamente.

A postagem foi enviada com sucesso para seu amigo.

Envie para um amigo


Enviando...

set
24

Travestido

Também sobre bandidos travestidos de advogados, os sérios, não podem temer e se necessário, frente a ignominiosas atuação daqueles, pedir providências perante a OAB.

A postagem não pôde ser enviada para seu amigo. Tente novamente.

A postagem foi enviada com sucesso para seu amigo.

Envie para um amigo


Enviando...

set
24

Picareta

A pior cena deste quadro é quando o advogado, negligente e picareta, ou ambos, e eles são muitos, vindos de cursos de direitos de quinta categoria, não reagem as ofensas, ou quando muito se movem com petições simples, pequenos protestos, sem se deterem a caminhos maiores como pedir providências aos tribunais ou ao próprio CNJ.

A postagem não pôde ser enviada para seu amigo. Tente novamente.

A postagem foi enviada com sucesso para seu amigo.

Envie para um amigo


Enviando...

set
24

Cliente

Demais disso, como anotamos mutis e mutias vezes neste blog, encerrada a instrução e insatisfeito com a sentença, notadamente na área criminal, mesmo culpado, ainda que o procurador tenha se empenhado ao máximo, ainda assim é criticado, e aquele vira inimigo.

A postagem não pôde ser enviada para seu amigo. Tente novamente.

A postagem foi enviada com sucesso para seu amigo.

Envie para um amigo


Enviando...

set
24

Isonomia

Sendo parte indispensável à administração da Justiça, cremos, o advogado tem uma menor escala de benefícios que são estendidos a juízes e promotores. Começa daí a certeza de que a isonomia tão proclamada está reclusa a uma mera anotação constitucional, com muito pouco efeito prático.

A postagem não pôde ser enviada para seu amigo. Tente novamente.

A postagem foi enviada com sucesso para seu amigo.

Envie para um amigo


Enviando...